Cuidados com seu animal

02 DEZ, 2014

Cuidados com seu animal

Como os animais são seres sensíveis, após um curto tempo de convívio, eles aprendem a nos amar de maneira incondicional, independente da nossa forma física ou da nossa conta bancária. Portanto, não importa a raça ou a espécie do seu animal de estimação, a regra é deixa-los sempre felizes. Isso é muito simples e fácil, veja aqui algumas dicas para cuidar do seu amigão: Alimentação: dê alimentos saudáveis e apropriados de acordo com a espécie e a idade do animal. Certifique-se de que ele gosta dos alimentos e de que os mesmos estejam suprindo todas as necessidades nutricionais do animal. E sempre mantenha água limpa e fresca disponível. Higiene: eles devem receber banhos regularmente, seja no pet shop ou em casa, sempre com produtos veterinários específicos. Escolha os horários mais quentes do dia e seque bem seu amigão após o banho. Sempre recolha as fezes e limpe o local que o animal vive. cachorro-filhote-labrador-banho-limpeza-higiene-sabao-espuma-petrede Saúde: para evitar que o animal fique doente, é necessário que ele seja consultado regularmente por um médico veterinário, para que possa ser vermifugado e vacinado no tempo ideal. Atividades físicas: leve o animal para passear frequentemente, utilize a coleira e a guia para garantir a segurança dele e sempre verifique a temperatura do asfalto para que seu pet não queime as patas. Estimule seu animal às atividades físicas, por exemplo, ensinando ele a pegar a bolinha ou correndo com ele. Castração: o animal castrado vive melhor e fica mais dócil. O preço da castração é acessível e a maioria das clínicas veterinárias parcela esse valor. Procure um médico veterinário e castre o seu animal de estimação! Além de contribuir com a diminuição da superpopulação de animais nas ruas da cidade e diminuir o abandono desses anjos indefesos, você ainda ajuda o seu amigo de patas a ficar mais calmo e a não fugir de casa. Liberdade: deixe seu animal livre em um ambiente seguro, cercado, longe das ruas, livre de acidentes. Não o amarre e nem o acorrente! Os animais precisam de um local espaçoso e seguro para viver bem. Eles tem muita energia, precisam correr e pular. E por fim, reserve um tempo na sua agenda todos os dias, para dar carinho e para brincar com seu animal de estimação! Mostre o seu amor por ele. Agora, se você não consegue dimensionar o quanto isso é importante para ele, talvez os animais não sejam para você. Lembre-se: maltratar ou abandonar um animal é CRIME, de acordo com o Artigo 32 da Lei Federal nº 9.605/98, a pena prevista é a detenção de 3 meses a 1 ano e multa.

Compartilhe