AJUDE-NOS A MINIMIZAR O IMPACTO DO BARULHO DA EXAPICOR SOBRE PESSOAS E ANIMAIS!

12 NOV, 2019

AJUDE-NOS A MINIMIZAR O IMPACTO DO BARULHO DA EXAPICOR SOBRE PESSOAS E ANIMAIS!

Todos os anos a população dos bairros vizinhos ao Parque de Exposições de Resende sofre com o ruído excessivo durante o período das apresentações musicais da Exapicor. Sabemos que a poluição sonora é fator de desconforto e estresse a humanos e animais, causando doenças físicas e psíquicas. Idosos, crianças, doentes e animais sofrem especialmente com ruídos abruptos (de fogos de artifício, por exemplo) e contínuos. A Organização Mundial da Saúde-OMS considera este tipo de poluição um problema de saúde pública e indica limites aceitáveis de ruídos em instalações e ambientes. Com relação à saúde de animais domesticados e silvestres, há inúmeros estudos científicos que comprovam o impacto do barulho sobre seu comportamento, hábito reprodutivo, fisiologia e metabolismo. Além disso, a poluição sonora é considerada um crime ambiental (lei federal nº 9605 de 1988, art. 54), existindo regulamentação do Conselho Nacional do Meio Ambiente-Conama (resolução nº 1, de 08/03/1990) e normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas-ABNT sobre o assunto (NBR10151 e NBR 10152). Diante do exposto, solicitamos que sejam tomadas medidas para controlar o nível dos ruídos promovidos durante a realização da feira, e que os animais diretamente afetados pelo barulho – aqueles expostos na chamada Fazendinha – sejam retirados do Parque de Exposições no período das apresentações musicais. Aassine: https://secure.avaaz.org/po/community_petitions/Ag_Controle_da_poluicao_sonora_da_Exapicor_ResendeRJ_1/?aYwjPnb

Compartilhe